Postagens

Mostrando postagens de outubro, 2018

Onde treinar capoeira - Pará - Brasil

Imagem
Belém Professor Mac Iver Grupo Muzenza Capoeira Local: Praça Batista Campos(centro) Dias de treino: Segunda, quarta e sexta das 17:00 às 18:00 Ananindeua Professor Panda Grupo Gingado Brasileiro de Capoeira Local: Escola Begot Endereço: Guajará 1 - Rua da Ponte - Ananindeua. Dias de Treino: Segunda, quarta e sexta às 19:00 Domingo às 15:00 Marituba Mestre Beto & Contramestre Zorro Grupo Escravo Branco capoeira Local: ginasio de Esportes de Marituba Dias de treinos: Segunda e quinta às 19:30 às 21:00 --------------------------------------------- Local: Escola Profª Nadéia Guimarães Endereço: Conjunto Beija-Flor  Dias de Treino: Sábados e domingos das 10:00 às 11:30

Capoeira no Sangue 2019

Imagem
Convite do Mestre Beto para o evento Capoeira no Sangue 2019  Data: 12 e 13 de Janeiro.  Local: Ginásio de Marituba.  Endereço: BR 316 - n° 6042 - Marituba - PA  Como chegar: -1.3652146, -48.3426113  Ônibus: Marituba, Benevides e etc.  Tarifa: Passagem Normal   Premiações: dinheiro 1 mil reais.

Capoeirista Pedro Mineiro

Imagem
PEDRO MINEIRO (um dos mais polêmicos praticantes da capoeiragem baiana) Pedro Mineiro viveu na mesma época que besouro, sendo mineiro mais velho, Mineiro morreu em 1915 aos aos 27 anos de idade e besouro morreu em 1927 provavelmente com 29 anos. Quando Mineiro morreu o mestre bimba estava prestes a completar 15 anos de idade, e o mestre pastilha já estava no auge dos seus 26 anos.   *1887 ouro preto(MG)   +18 de janeiro de 1915 salvador(BA)    Natural da cidade de Ouro Preto(MG), pedro mineiro chegou a Bahia em em meados de 1907, no auge dos seus vinte e poucos anos de idade.   Assim o diário de noticias descreveu as suas características físicas no dia 18/01/1915, dia da sua morte. Negro de olhos pequenos, lábios grossos e nariz largo. Seu cabelo era crespo e tinha as sobrancelhas largas, usava um bigode ralo e costeleta, sinal típico da capoeiragem. Tinha o corpo coberto por cicatrizes de ferimentos feitos por faca, navalha e canivete, mostrando que o corpo também conta

Evento: São Bento me Chama 2018

Imagem
Evento: São Bento Me Chama Data: 15 e 16 de Dezembro de 2018. Local: Ananindeua - Pará. Organização: Professor Nó Cego Apoio: Tucumã Brasil © Oficial Mais informações: https://www.facebook.com/no.cego.3 Siga-nos Tucumã Brasil Acesse: https://www.tucumabrasil.com.br Hangout: info@tucumabrasil.com.br Whatsapp: +55 91 983156878 https://m.facebook.com/Tucumabrasiloficial www.youtube.com/tucumabrasiloficial

Resposta Omri Ferradura: Capoeira e Política - Qual lado você está?

Imagem
Me posicionando diferentemente do que propõe e estimula o Omri Ferradura, trago meu ponto de vista contrário e em que acho que devemos ser isentos politicamente. A primeira pergunta que ele faz é a seguinte: Capoeirista não se mete em politica? Ele responde fazendo uma referencia histórica as maltas do seculo 19, que "pintavam e bordavam" nas épocas de eleições, ditando o destino dos partidos conservador ou Liberal. Realmente Omri ferradura, as maltas eram um tipo de mercenários, pessoas de toda a natureza de tipos, que era pagos para através da violência, mudar os rumos da politica. Se envolvendo por dinheiro nessas decisões. Matando, esfaqueando, incendiando, estuprando e estudo mais que pudessem fazer. Tanto é que a capoeira colapsou e entrou através do decreto 847 no código penal brasileiro, de 11 de Outubro de 1890. Pulando mais pra frente no seu texto, você pergunta: Será que o capoeira não se mete em política? Em sua resposta, você conta como o negro foi "

Mestre Moa do Katendê é morto a facadas após discussão política em Salvador

Imagem
O mestre de capoeira e compositor Romualdo Rosário da Costa, 63 anos, conhecido como Moa do Katendê, foi morto a facadas na noite deste domingo, 7, após uma discussão política no Bar do João, na comunidade do Dique Pequeno, no Engenho Velho de Brotas, em Salvador.  Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), o autor do crime, Paulo Sérgio Ferreira de Santana, 36 anos, não concordou com a posição política de Moa, contrária ao candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSL), e desferiu 12 facadas na vítima. O suspeito foi preso e confessou o crime à polícia. Segundo a SSP-BA, ele teria se aproximado do grupo em que Moa estava e afirmado que era eleitor de Bolsonaro. Ao receber como resposta que o grupo votava no PT, o homem saiu do estabelecimento, buscou uma arma branca em casa e retornou ao bar. À delegada Milena Calmon, entrentanto, Paulo Sérgio negou que o crime tenha sido motivado por política, e afirmou foi motivado por discussões relacionadas